O programa visa principalmente estabelecer mecanismos para se proceder à mobilização e habilitação da mão de obra local, visando maximizar seu aproveitamento nas obras de implantação das PCHs e com isso gerar trabalho e renda para a população local, além de minimizar possíveis interferências negativas oriundas da atração de população externa à região.

O cadastro de pessoas interessadas em trabalhar nas obras das PCHs é realizado nos Postos de Atendimento Social e ou na prefeitura dos municípios, os currículos recebidos são enviados ao consórcio construtor que tem a orientação do empreendedor de aproveitar o máximo da mão de obra local que procura uma colocação, durante o período de contratação é oferecido treinamento para as funções requeridas.