A Pequena Central Hidrelétrica Fortuna II está prevista para ser instalada no rio Corrente Grande afluente da margem esquerda do rio Doce, em Minas Gerais.
As coordenadas geográficas do empreendimento são: Latitude 18º54′ N e Longitude: 42º41′ E. Situa-se no trecho caracterizado como Médio Doce Superior, entre as cidades de Governador Valadares e Ipatinga, que se encontra a aproximadamente 91 km do aproveitamento proposto.

PCH Fortuna II

COMO CHEGAR
O local do aproveitamento é acessível a partir de Ipatinga, pela rodovia BR-381, até alcançar Perpétuo Socorro, em um percurso de 25 km. Segue-se então, por estrada asfaltada, em direção a Sapucaia de Guanhães, por mais 57 km. A partir daí, o acesso é por estrada vicinal não pavimentada, percorrendo-se uma distância aproximada de 9 km até o local das obras de barramento.Outra opção de acesso pode ser a partir de Belo Horizonte, pela rodovia BR-120 até Guanhães, prosseguindo-se para Virginópolis e Sapucaia de Guanhães, num total de cerca de 260 km por rodovias asfaltadas.
PRINCIPAIS DADOS TÉCNICOS
• Potência instalada 9,0 MW;
• Área de drenagem 1.094 km²;
• N.A. máximo maximorum de montante: 647,00 m;
• N.A. máximo normal de montante: 645,00 m;
• N.A. mínimo normal de montante: 645,00 m;
• N.A. máximo normal jusante: 593,50 m;
• N.A. mínimo normal jusante: 593,00 m;
• Área inundada no N.A. máximo normal: 0,762 km2;
• Volume no N.A. máximo normal: 6,366 x 106 m³;
• Vazão residual: 0,24 m³/s;
• Vazão média de longo termo: 12,14 m³/s;
• Vazão mínima operativa percentual: 40%;
• Vazão nominal turbinada: 20,5 m³/s.